quarta-feira, 25 de abril de 2012

A dor de não tê-la aqui.

Mes que vem faz um ano que minha bebe voltou pra Deus. Quando a perdi pensei que aquela dor nunca iria passar, mas com o passar do tempo e a esperança de engravidar novamente a dor foi amenizando, entretanto o tempo foi passando e a esperança foi indo embora e a dor e o desespreo foram tomando conta de mim novamente.
Eu fico pensando, pq foi tão facil da primeira vez e agora essa espera que me deixa maluca?. Se já nao bastasse a dor de perder um filho ainda tenho que conviver com a infertilidade,  afinal eu tenho SOP e só ovulo com a ajuda de medicamentos e fitoterapicos.
Bom, acho que todo esse desespero que me toma ultimamente, não é apenas essa espera de engravidar que nao acaba mais, mas tbm a proximidade com a data da perda, sem contar que mesmo o dia das mães nao sendo no mesmo dia do ano passado, ainda sim me sinto extremamente marcada por essa data, e o dia que deveria ser de alegria, vai ser profunda tristeza. Sabe, vai fazer um ano que ela se foi, e tbm vai fazer um ano que eu nao tenho paz, quase um ano que eu penso em como ela estaria, em tudo que podiamos ter vivido, nao tem um dia sequer que eu nao pense nela, vai fazer um ano que penso que o dia do nascimento dela nao seria apenas o nascimento dela mas tbm o nascimento de uma mãe e um pai, e que nós tres juntos formariamos um familia, mas infelizmente esse não era o plano de Deus para nós naquele momento e hoje eu espero ansiosamente pelo dia em que Ele me dará a famila que tanto desejo e de que tanto preciso.


A você minha filha, te peço o mais sincero perdão, sei que nao agi corretamente durante varios momentos da sua gestação, e por isso me sinto profundamente culpada pela sua partida, espero que possamos um dia no reencontrar para aí sim sermos felizes.


Ao senhor Pai, peço que tenha piedade da sua filha, que tanto errou e ainda erra, sei que nao sou um exemplo a ser seguido, mas gostaria muito de tentar ser um modelo para alguem. Peço Pai que me permita ser mãe, é o meu desejo mais profundo e hoje eu nao vejo mais sentido algum pra minha vida que nao seja a maternidade.  Diante de ti Pai, peço que tenha piedade e que olhe por todas nós que já somos Mães no coração e que se nao for possivel nos presentear nesse momento com a maternidade, que ao menos nos dê força e resignação para continuarmos seguindo em frente sem esmorecer. Que possamos ter a paciencia de esperar o seu tempo e a compreenção de que nada nessa vida acontece por acaso.
Que assim seja!!

4 comentários:

Alessandra Santos. disse...

Gabi querida.
Sei que não deve ser fácil. Nunca perdi um bebê, mas acredito ser difícil demais. Mas você é uma mulher guerreira e eu sei que em breve você terá um bebezinho nas sua mãos. Fica bem tá!
Um abraço bemmmmmmmmmmmm forte.
Bjos.

rosana disse...

OBRIGADO PELO CARINHO..QUE POSSAMOS ALCANÇAR O LINDO MILAGRE DE SER MAMÃES...BJS

nanda disse...

amei seu nlog tambeim tive uma perda vamos crer q vai dar tudo certo

Mah disse...

chorei...

amem...

tbm tenho um nene no ceu... e oro para ter uma nova chance de ter um bb em meus braços.

Postar um comentário